16.1.09

Calo no coração.

4 Comentários:

Blogger Guto Leite disse...

anda depurando, hein, morena! Um cheiro

16/1/09 22:45  
Anonymous tagg disse...

vc me entende.

18/1/09 16:33  
Blogger Eduardo Matzembacher Frizzo disse...

Eu queria ter o coração mais cheio de calos, sabe. Queria ter um coração tipo meus dedos da mão esquerda, que são calejados pelas cordas e trastes do violão que desde os meus dezesseis anos martelo. Mas o fato é que nunca fui um bom instrumentista. Que dirá ser bom nessas coisas do coração. Acho que tem pessoas que por mais que sejam pisadas não desenvolvem qualquer calo. Fica tudo como se fosse uma esponja que quanto mais você está sozinho, mais cheia fica. Talvez isso tenha a ver com calos nos dedos e no coração, mas o fato é que nada disso se explica. Por isso basta sentir. E se você for mais birrento e gostar do seu umbigo, escrever. Logo, eis você aí, caríssima.

20/1/09 23:24  
Blogger Tagg disse...

sim, vanitas vanitatum. gasto o meu latim. queria ter os dedos cheios de calos. menos no coração. então, calo.

22/1/09 19:03  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial