1.7.08

eu queria criar uma história agora, bem rápida. pra um boi dormir, portanto, dava pra eu mesma dormir tranquilamente durante uns doze dias. a cabeça tem muita coisa, mas eu ODEIO sentar-me ao computador e também escrever à mão. o gravador me intimida. queria mesmo era um leitor de pensamento pras histórias saírem com a linguagem criada no silêncio e as imagens que as acompanham. ia ser muito perfeito. aliás, nunca entendi como algo pode ser muito perfeito mas, como sou adepta de adotar a linguagem da classe média mediamente letrada, uso. linguagem pra boi dormir. prometo uma história gostosa em breve.

1 Comentários:

Blogger Guto Leite disse...

Adorei, Tá! Infelizmente, dando a pata a torcer, a Lingü+istica diz bem sobre essas coisas, sem dizer. Da cabeça pra boca, um passo, da boca pro ar, outro, do ar pro ouvido, mais um, do ouvido pra outra cabeça, mais outro. Prefiro a palavra estática no batente! =)

2/7/08 10:53  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial