24.11.10

com as tuas mãos me fiz um carinho
com as tuas mãos frias me fiz
infeliz sem ter mais que:
tuas mãos frias.

com teus lábios frios me dei um beijo
com teus lábios frios me dei
adeus aos beijos teus:
teus lábios frios.

e em teu coração inerte pousei um rosto quente e contrito
e lágrimas quentes e contritas irrigaram tuas veias de novo sangue
e voltaste à vida:

se deus existisse, a história possível.
mas deus não existe e finda o fim disso.





0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial