24.3.08

nem sol, nem lua, nem a rua
nem ela só, na janela
nem mar, nem praia ainda que de paulista
nem o bêbado, nem a fonte
nem a musa

que nos deixou a poesia?

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial